Assine a Newsletter
Cabo Delgado
Três membros das FDS, mortos em emboscada dos insurgentes no distrito
de Nangade

Três membros das FDS, mortos em emboscada dos insurgentes no distrito de Nangade

março 07, 2021 Afonso Muchanga
Ataques insurgentes chegaram a cerca de 10 km da sede do distrito de Nangade, disseram fontes locais ao Informa Moz - incluindo uma emboscada em um veículo militar que viajava da sede de Nangade para a cidade de Mueda, que matou três soldados, incluindo um oficial sênior. A emboscada aconteceu na quarta-feira perto da aldeia de Litingina, ao sul de Nangade sede, como é conhecida a sede distrital. Também na quarta-feira, os insurgentes atacaram a aldeia de N'gangolo, onde mataram duas pessoas da mesma família, enquanto outro grupo foi à aldeia de Samora Machel à noite, disse uma fonte em Nangade. Essas aldeias ficam a cerca de 10 km da aldeia de Nangade, onde muitas pessoas, incluindo pessoas deslocadas das aldeias vizinhas, estão concentradas. A fonte disse que os residentes de Nangade sede vivem com medo por causa da proximidade dos insurgentes . Nangade sede fica na estrada que liga Mueda a Palma. No mês passado, as forças de defesa e segurança de Moçambique escoltaram dois com
Portugal envia 60 formadores de forças especiais para Moçambique na
luta contra insurgência

Portugal envia 60 formadores de forças especiais para Moçambique na luta contra insurgência

fevereiro 19, 2021 Afonso Muchanga
Portugal de braços abertos no combate á insurgência no norte de moçambique, o ministro de defesa e segurança de Portugal estima enviar cerca de 60 formadores de forças especiais em abril para auxiliar Moçambique no combate ao terrorismo em cabo delgado. " O que vamos destacar são formadores para formar fuzileiros e comandos. São militares que têm essas valências, forças especiais. Acredito que seja na ordem dos 60. Ainda não está estabilizado (o número de efetivos) porque ainda há um trabalho de planeamento em curso com as autoridades moçambicanas ", afirmou João Gomes Cravinho, em entrevista à agência Lusa. " Irão, em princípio, para locais diferentes: no sul do país, perto de Maputo, e no centro, mas ainda não está inteiramente decidido ", adiantou ainda o responsável pela tutela. O ministro da Defesa de Portugal já tinha sublinhado a abertura da União Europeia (UE) em apoiar Moçambique. João Gomes Cravinho revelou também que no início de abril já "haverá con
Homem detido em flagrante com 1.400 litros de combustível roubado no
porto de Pemba

Homem detido em flagrante com 1.400 litros de combustível roubado no porto de Pemba

fevereiro 09, 2021 Afonso Muchanga
As autoridades moçambicanas ( PRM ) detiveram um homem, em flagrante, quando transportava 1.400 litros de combustível roubado no porto de Pemba , na província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique, anunciou hoje a corporação. O homem, que estava com outras pessoas e que fugiram, foi detido na quinta-feira em flagrante, quando transportava o combustível, distribuído em bidões, através de duas canoas ao longo do porto, disse o porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Cabo Delgado, Ernesto Madungue. "A Polícia Costeira, Lacustre e Fluvial interpelou as duas embarcações a remos no porto. Alguns dos ocupantes puseram-se em fuga, mas conseguimos apreender o combustível. Estamos a falar de cerca de 1.400 litros de diesel", referiu o porta-voz. Sem avançar mais detalhes, a polícia disse que o combustível terá sido roubado no porto de Pemba .
Cólera continua a matar em Cabo Delgado e mais um distrito regista surto

Cólera continua a matar em Cabo Delgado e mais um distrito regista surto

janeiro 05, 2021 Afonso Muchanga
Uma pessoa morreu por cólera, num total de 11 contaminadas, desde a última semana de Dezembro, no distrito de Montepuez, em Cabo Delgado. Por conta da situação, as autoridades declararam o surto da cólera no distrito, o quinto da província a ser assolado pela epidemia. Depois de Mocímboa da Praia, Macomia, Ibo, Metuge e cidade de Pemba, a epidemia chegou a Montepuez, onde eclodiu em Dezembro último. Além de matar foram detectados 11 doentes internados no Centro de Tratamento de Diarreias. O facto foi confirmado pelo secretário de Estado na província, Armindo Ngunga, esta terça-feira, numa conferência de imprensa convocada para declarar o surto de cólera, depois de as autoridades de saúde terem reportado os mais de 200 casos de diarreias agudas. “A vigilância laboratorial para determinar as causas da diarreia permitiu a confirmação de um caso positivo para o vibrião colérico, no dia 20 de Dezembro de 2020. No dia 2 de Janeiro de 2021, mais um caso positivo, o que satisfaz os critérios p